Reino Unido identifica seis casos da variante brasileira do coronavírus

Informações sobre o Coronavírus – Centro de Saúde da Comunidade

G1.

 O governo britânico anunciou neste domingo (28) que identificou seis casos de contaminação pela variante brasileira do coronavírus.

É a primeira vez que a variante, identificada como P.1, foi detectada no país. Segundo o jornal, pelo menos dois dos casos, na região de South Gloucestershire, têm histórico de viagens para o Brasil. Outro caso na mesma região ainda segue sob investigação. O governo anunciou que testará pessoas próximas aos casos identificados.

Histórico de contato

O Public Health England (PHE), agência do Departamento de Saúde do Reino Unido, está traçando o histórico de todos os passageiros de um voo vindo de São Paulo, via Zurique, que pousou em Londres no dia 10 de fevereiro.

Outros três casos com a variante foram identificados na Escócia, mas segundo o PHE, não têm ligação com os outros três casos.

O Reino Unido atingiu neste sábado (27) a marca de 20 milhões de doses da vacina contra o coronavírus aplicadas em sua população.

Bandidos arrombam agência bancária, mas não conseguem levar dinheiro na Grande Natal

Bandidos arrombaram agência bancária em São Gonçalo do Amarante — Foto: Geraldo Jerônimo/Inter TV Cabugi

G1/RN.

Bandidos arrombaram na madrugada deste domingo (28) uma agência bancária no município de São Gonçalo do Amarante, na Região Metropolitana. Apesar de entrarem no local, os criminosos não conseguiram levar o dinheiro e nada de valor, segundo o gerente da agência, que preferiu não se identificar.

O crime aconteceu por volta das 3h30. Os criminosos atiraram contra uma câmera de segurança e em seguida quebraram uma porta de vidro que dá acesso à agência. Dentro do local, eles derrubaram mais uma porta de entrada.

Apesar da destruição do estabelecimento, eles não conseguiram arrombar nenhum caixa eletrônico e nem tiveram acesso ao cofre da agência.

Mesmo com os bandidos tendo atirado contra uma câmera de segurança, outras internamente conseguiram gravar a ação criminosa. As imagens serão usadas para investigação da Polícia Civil.

ACIDENTE: Homem morre em colisão entre carro e moto na RN-117

Jornal de Fato.

Uma colisão entre um carro e uma moto na RN-177, na saída para Governador Dix-sept Rosado matou um homem de 40 anos, identificado como Gilliard Adriane da Silva, na noite de sábado (27).

Ele retornava para casa em sua moto quando o veículo que trafegava em sentido contrário o atingiu no momento em que manobrava para entrar em outra via. O corpo da vítima ficou sobre o carro após a colisão. O motorista envolvido no acidente teria acionado o socorro médico, a polícia rodoviária estadual e depois saído do local.

RN contabiliza mais 7 óbitos por Covid-19; nenhum destes nas últimas 24h

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do Coronavírus neste domingo (28). Foram mais 1.551 casos confirmados, totalizando 166.895 Até sábado (27) eram 165.344 infectados.

Com relação aos óbitos no Rio Grande do Norte, são 3.585 no total, nenhum ocorrido nas últimas 24h.

A Sesap ainda registrou 7 óbitos ocorridos em dias ou semanas anteriores, após a confirmação de exames laboratoriais. Até sábado (27), eram contabilizados 3.578 mortos. Óbitos em investigação são 717.

Casos suspeitos somam 85.715 e descartados 363.838. Recuperados são 123.331.

Com 60 anos de casados, casal morre de Covid com 5 horas de diferença em São João do Sabugi (RN)

casal 1 Com 60 anos de casados, casal morre de Covid com 5 horas de diferença em São João do Sabugi (RN)

Suerda Medeiros.

João Cipriano de Araújo, 95 anos e Joana Elísia de Araújo, 86 anos, faleceram na manhã deste domingo (28) em um intervalo de pouco mais de 5 horas de um para o outro, vítimas da Covid-19, em São João do Sabugi, região do Seridó do RN. Eles eram casados há mais de 60 anos.

Segundo familiares, Seu Doca e Dona Joaninha, como eram conhecidos, testaram positivo para o novo coronavírus na semana passada e recebiam em casa os cuidados da equipe de saúde do município. Ela morreu por volta das 6h e ele às 11h30 deste domingo. Ambos tiveram cinco filhos.

Brasil acumula 10,5 milhões de casos e 254 mil mortes por covid-19

comércio de rua no Rio de Janeiro

Agência Brasil.

De acordo com o balanço diário mais recente divulgado neste domingo (28) pelo Ministério da Saúde, o número de pessoas que morreu por causa da covid-19 no Brasil subiu para 254.942. Em 24 horas, foram registradas 721 mortes. Há ainda 2.860 óbitos em investigação no país.

Já o total de pessoas infectadas pelo novo coronavírus desde o início da pandemia chegou a 10.551.259. Em 24 horas, foram confirmados pelas autoridades sanitárias 34.027 novos casos.

O balanço é produzido a partir de informações fornecidas pelas secretarias estaduais de saúde e, nos finais de semana, costuma ser menor do que durante a semana.

Há, ao todo, 885.284 pessoas com casos ativos da doença em acompanhamento por profissionais de saúde e 9.411.033 pacientes já se recuperaram.

Prouni abre inscrições para lista de espera nesta segunda-feira

UnB foi a primeira universidade federal a adotar sistema de cotas raciais

UnB reserva vagas para negros desde o vestibular de 2004

Percentual de negros com diploma cresceu quase quatro vezes desde 2000, segundo IBGE

Interessados em entrar na lista de espera de bolsas de estudo pelo Programa Universidade para Todos (Prouni) devem acessar a página de inscrição, com seu número e senha do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) mais recente nesta segunda (1º) e terça-feira (2) e manifestar interesse em participar do processo.

Diferentemente da segunda chamada, a espera não é automática. A inclusão na lista é exclusiva aos candidatos que participaram daquele processo seletivo do Prouni 2021 e não está aberta a novos inscritos.

O Prouni acontece sempre duas vezes por ano, para ingresso no primeiro e no segundo semestre. Quem não for chamado em lista de espera, cujo resultado será divulgado em 5 de março, tem que esperar até a edição seguinte para tentar novamente. Essa etapa comporta todas as vagas não preenchidas dentre as 162 mil oferecidas durante primeira e segunda chamadas desta edição do Prouni.

Comprovação

No caso de candidatos pré-selecionados em lista de espera, o período para comprovar as informações declaradas no ato da inscrição é de 8 a 12 de março. Para concorrer às bolsas integrais, o estudante deve comprovar renda familiar bruta mensal, por pessoa, de até 1,5 salário mínimo. Para as bolsas parciais (50%), a renda familiar bruta mensal deve ser de até três salários mínimos por pessoa.

Divulgação

Os cursos disponíveis na lista de espera variam em cada edição. Como os resultados da espera vão sendo divulgados aos poucos, conforme a disponibilidade de vagas, o interessado deve acessar o sistema todos os dias, até o encerramento do período, para ver se foi contemplado. O Ministério da Educação não envia mensagens informando sobre a aprovação. Caso pré-aprovado, o candidato também deve ficar atento ao prazo para a apresentar documentação exigida como comprovantes de renda, identificação pessoal, endereço e escolaridade.

Candidatos

Criado para permitir o acesso de estudantes de baixa renda ao ensino superior, só podem pleitear uma bolsa candidatos que fizeram o Enem mais recente e obtiveram pelo menos 450 pontos na média das provas, sem ter zerado a redação. Também é necessário comprovar renda familiar bruta mensal de, no máximo, três salários mínimos por pessoa e não ter diploma de nível superior.

O candidato também precisa se encaixar em um dos pré-requisitos abaixo:

ter feito todo o ensino médio em escola pública ou em particular como bolsista integral;ser professor da rede pública de ensino básico no efetivo exercício do magistério da educação básica, integrantes de quadro de pessoal permanente de instituição pública. Nesse caso, não é necessário comprovar renda;
Ser pessoa com deficiência.

03 meses de Gestão Doutor Airton com muito amadorismo administrativo e população prejudicada

Dr. Airton diz que pesquisa reflete “acompanhamentos internos” da campanha – Blog do Wallace

Hoje, 28 de Fevereiro de 2021, chegamos a 03 meses da atual gestão da prefeitura de Tangará/RN.

Estivemos vigilantes até está data para dar um crédito AO NOVO, mais o que vemos atualmente é AMADORISMO ADMINISTRATIVO, e muito pouco sendo feito pela população da cidade. Lembrando que o atual prefeito foi eleito com uma diferença estrondosa para o segundo colocado.

Ao iniciar o mandato o prefeito Dr. Airton até por pura ousadia e dando a entender que não confiava em seus aliados, nomeou vários filhos para diversas pastas de secretarias importantes do município, onde causou um verdadeiro descontentamento de aliados e também opositores, pois essa pratica não seria habitual em uma administração.

No mês de janeiro os pagamentos de funcionários efetivos foram feitos com atrasos em algumas secretarias ou até em total, por puro amadorismo administrativo, em descontento aos funcionários. Logo após com tantos outros problemas enfrentados, onde secretários chegarem a pedir demissão dos cargos por conflitos na gestão.

Os destinos da cidade está em mãos de uma família, que foi creditada para bem gerir os seus destinos, mais o que vemos é uma administração muita  FRACA, que ainda não DISSE para o que veio.

Em resumo, estamos em uma administração que alguns aliados não são mais aliados, que a maioria dos vereadores fecham os olhos para os desmandos existentes, que não são poucos, onde somente  os que elogiam são os que tem algo à receber, ou prometido da gestão.

O novo em uma cidade sai caro, o prefeito de fato, é DR. AIRTON mas os executores da gestão são os filhos, onde essa premissa era temida por toda população, até mesmos pelos que deram um voto de confiança.

Esperamos que a situação do município mude, ou os vereadores tomem uma posição como fiscais do povo `à que foram eleitos para isto.

Hospital Regional de Santo Antônio/RN entra em colapso total

Do Blog Amigos da Onça.

A situação dos leitos UTI Covid-19 do Hospital Regional Lindolfo Gomes Vidal (HRLGV) em Santo Antônio está em estado critico. Além da falta de leitos, servidores da unidade hospitalar que atuam na linha de frente no tratamento dos pacientes estão sendo acometidos com a doença. “Agora está faltando leitos. Se continuar assim, amanhã vai faltar profissionais”, mensagem postada em uma rede social da unidade.

Na última quarta-feira, o diretor do hospital, Geraldo Neto, relatou durante sessão da Câmara Municipal de Santo Antônio a situação crítica em que se encontra a unidade com a ocupação total dos leitos de UTI e o afastamento de servidores acometidos pela doença pode agravar ainda mais o quadro. Ele expôs a angústia de profissionais que estão atuando nos leitos de UTIs Covid na unidade e clamou para a população ter mais consciência da gravidade da atual situação para evitar o colapso total. Na oportunidade, o diretor declarou que no corredor do hospital já tem pacientes em maca aguardando por vaga de UTI.

O diretor lembrou a perda de dois profissionais do hospital que morreram vítimas da Covid-19. Uma delas foi a médica pediatra Marlene Abrantes, que trabalhou por mais de 20 anos na unidade.

VERGONHA: 10 Vereadores de Tangará/RN não comparecem a sessão da câmara desta sexta-feira (26)

Na sessão desta sexta feira (26) 10 vereadores eleitos pelo povo de Tangará/RN não estiveram presentes para votarem e tratarem assuntos de extremo interesse da população da cidade.

O único vereador que compareceu foi Nilsom lima (PSD) que em loco, direto da câmara municipal fez uma live com seus seguidores nas redes sociais, pedindo explicações pelo motivo do não comparecimento do colegas vereadores.

O Editor deste blog abre espaço para os vereadores, informarem o motivo real da FALTA desta sessão que iria tratar de assunto extremamente essenciais para toda a população, dando exemplo a situação da Covid-19 em Tangará/RN.

Novo prefeito de Serra Caiada continua com bom exemplo de Gestão ao enfrentamento do covid-19

Pode ser uma imagem de ao ar livre

Em Serra Caiada, além do trabalho educativo, também está sendo realizada fiscalização por parte da Vigilância em Saúde, em parceria com Polícia Militar e Apoio Tático.

A ação busca o cumprimento do novo Decreto que limita o funcionamento dos estabelecimentos e reforça as medidas de prevenção e combate a aglomerações.

Adultos infectados com a variante identificada em Manaus têm 10 vezes mais vírus no corpo, aponta Fiocruz

Pessoas usando roupas e equipamentos de proteção contra o coronavírus Sars-CoV-2 andam em meio a túmulos de vítimas da Covid-19 no cemitério Nossa Senhora Aparecida, em Manaus, no dia 25 de fevereiro. — Foto: Michael Dantas/AFP

G1.

Um estudo feito por pesquisadores da Fiocruz aponta que adultos infectados pela variante brasileira P.1 do coronavírus, identificada primeiro no Amazonas, têm uma carga viral – quantidade de vírus no corpo – dez vezes maior do que adultos infectados por outras “versões” do vírus. Uma maior carga viral contribui para que a variante se espalhe mais rápido.

A pesquisa ainda não foi revisada por outros cientistas nem publicada em revista, mas está disponível on-line.

Os pesquisadores analisaram 250 códigos genéticos do coronavírus durante quase um ano. A amostragem cobriu o primeiro pico da doença, em abril, e o segundo, no final do ano passado e início de 2021.

Eles perceberam que essa maior quantidade de vírus não acontecia, entretanto, nos homens idosos (acima de 59 anos). Uma possível explicação para isso é que a resposta imune de homens idosos tende a não ser tão eficiente de forma geral.

Também é possível que isso tenha acontecido nesse grupo porque a quantidade de pessoas analisadas nessa faixa etária foi menor, explicou o pesquisador Tiago Gräf, também autor do estudo, em uma publicação na rede social Twitter.

Na imagem abaixo, retirada do estudo, quanto menor a altura das das bolinhas no eixo vertical, maior é a carga viral dos pacientes:

Na imagem acima, quanto menor a quantidade das bolinhas no eixo vertical, maior é a carga viral dos pacientes: — Foto: Reprodução/Twitter Tiago Gräf

A P.1 já vinha sendo apontada por vários pesquisadores ao redor do mundo como mais transmissível, por causa de mutações que ela sofre na região que o vírus usa para infectar as células humanas.

Apesar de ter surgido no Amazonas, ao menos outros 18 estados já detectaram infecções pela variante: os mais recentes foram Mato Grosso e Maranhão.

Mega-Sena, concurso 2.348: aposta do Rio leva sozinha prêmio de R$ 49 milhões

Uma aposta do Rio de Janeiro (RJ) acertou as seis dezenas e levou sozinha o prêmio de R$ 49.341.885,20 do concurso 2.348 da Mega-Sena, que foi realizado neste sábado (27) em São Paulo.

Para o próximo sorteio, que acontece na quarta-feira (3), o prêmio previsto é de R$ 2,5 milhões.

As dezenas sorteadas foram: 02 – 03- 07 – 48 – 51 – 54.

  • A Quina teve 107 apostas ganhadoras e cada uma leva R$ 38.652,61.
  • A Quadra teve 6.601 apostas ganhadoras e cada uma leva R$ 895,06.

Vereador Nilsom Lima cobra da atual gestão implantação de Hospital de Campanha COVID-19 em Tangará/RN

Requerimento Nº 001/2021

Dispõe sobre pedido de instalação de uma unidade exclusiva para atendimento de pacientes com COVID-19 e dá outras providências.

Autor: Vereador Givanilson Fernandes de Lima

Aprovado: 19/02/2021

Secretária de Saúde e adjunta de Tangará/RN entregam os cargos ao prefeito Doutor Airton

Pode ser uma imagem de céu e texto que diz "Taagaró DE PREFEITURA MUNICIPAL SEMEANDO TRABALHO, COLHENDO DESENVOLVIMENTO"

A Secretária de Saúde Shayanna Paiva de Lima e a sua adjunta Micarla Priscila Silva Dantas,  ambas da cidade de Tangará/RN, em nota publicada à comunidade, entregaram seus respectivos cargos, alegando dificuldades e entraves com a atual gestão.

As secretárias foram nomeadas nos primeiros dias do Governo Doutor Airton, onde, os respectivos cargos foram por indicações politicas de “aliados” próximos.

Confira a nota abaixo:

Confira a nota na íntegra: clique aqui>> NOTA

Santa Cruz/RN: vigilância sanitária orienta proprietários de bares e restaurantes para cumprimento de novo decreto municipal

Os bispos da Igreja Católica no Rio Grande do Norte suspenderam as celebrações de missas no estado e definiram orientações às paróquias, após publicação de decreto do governo do estado que prevê suspensão de atividades religiosas, entre outras medidas, para conter o aumento de casos da Covid-19. A decisão vale entre os dias 1º e 10 de março.

Em nota, os líderes religiosos afirmaram que foram contatados pelo governo nesta sexta-feira (26), compreendem a gravidade do momento e tomaram a decisão “em espírito de recíproca cooperação e corresponsabilidade”.

“Tendo em conta a vida como bem maior a ser preservado, achamos por bem acatar o disposto no decreto estadual nº 30.383, de 26 de fevereiro de 2021”, informaram em nota. Veja as medidas anunciadas pela igreja:

Ficam suspensas as celebrações (missas e outras), com a participação presencial dos fiéis, de 1º a 10 de março
As missas serão celebradas nas catedrais e matrizes, de portas fechadas, com a restrita participação de uma equipe celebrativa de apoio, composta por, no máximo, cinco pessoas;
As celebrações serão transmitidas através das plataformas digitais de comunicação da própria paróquia
As igrejas serão mantidas abertas em seus regulares horários de funcionamento para os momentos de orações pessoais dos fiéis, obedecendo protocolos sanitários e de biossegurança
Ficam mantidos os atendimentos individualizados aos fiéis, por parte dos sacerdotes, bem como secretarias paroquiais

“Por fim, recomendamos a todos os fiéis católicos, muito especialmente aos padres dos nossos cleros, que se mantenham atentos às realidades e necessidades que afloram mais nitidamente nesses momentos de maiores restrições. Tudo isso traz implicações – inclusive econômicas e sociais – sobre a vida das pessoas. Isto nos faz pensar nos mais pobres e nos que dependem das atividades informais”, afirmaram os bispos, na nota.

“Lembremo-nos da exigência da partilha como compromisso inerente à nossa condição de cristãos. Gastemos tempo e não poupemos esforços para promover iniciativas e campanhas que sirvam de sinal e alento para quem mais precisa”, diz ainda, a nota.

Igreja Católica suspende missas no Rio Grande do Norte

Pode ser uma imagem de texto que diz "COMUNICADO ARQUIDIOCESE DE NATAL"

Os bispos da Igreja Católica no Rio Grande do Norte suspenderam as celebrações de missas no estado e definiram orientações às paróquias, após publicação de decreto do governo do estado que prevê suspensão de atividades religiosas, entre outras medidas, para conter o aumento de casos da Covid-19. A decisão vale entre os dias 1º e 10 de março.

Em nota, os líderes religiosos afirmaram que foram contatados pelo governo nesta sexta-feira (26), compreendem a gravidade do momento e tomaram a decisão “em espírito de recíproca cooperação e corresponsabilidade”.

“Tendo em conta a vida como bem maior a ser preservado, achamos por bem acatar o disposto no decreto estadual nº 30.383, de 26 de fevereiro de 2021”, informaram em nota. Veja as medidas anunciadas pela igreja:

Ficam suspensas as celebrações (missas e outras), com a participação presencial dos fiéis, de 1º a 10 de março
As missas serão celebradas nas catedrais e matrizes, de portas fechadas, com a restrita participação de uma equipe celebrativa de apoio, composta por, no máximo, cinco pessoas;

As celebrações serão transmitidas através das plataformas digitais de comunicação da própria paróquia

As igrejas serão mantidas abertas em seus regulares horários de funcionamento para os momentos de orações pessoais dos fiéis, obedecendo protocolos sanitários e de biossegurança

Ficam mantidos os atendimentos individualizados aos fiéis, por parte dos sacerdotes, bem como secretarias paroquiais

“Por fim, recomendamos a todos os fiéis católicos, muito especialmente aos padres dos nossos cleros, que se mantenham atentos às realidades e necessidades que afloram mais nitidamente nesses momentos de maiores restrições. Tudo isso traz implicações – inclusive econômicas e sociais – sobre a vida das pessoas. Isto nos faz pensar nos mais pobres e nos que dependem das atividades informais”, afirmaram os bispos, na nota.

“Lembremo-nos da exigência da partilha como compromisso inerente à nossa condição de cristãos. Gastemos tempo e não poupemos esforços para promover iniciativas e campanhas que sirvam de sinal e alento para quem mais precisa”, diz ainda, a nota.

Satélite brasileiro será lançado na madrugada deste domingo

Amazonia 1, satélite de Observação da Terra .

Agência Brasil.

Será lançado no início da madrugada deste domingo (28) o foguete que levará, consigo, o Amazonia 1 – o primeiro satélite de observação da Terra totalmente projetado, integrado, testado e operado pelo Brasil. O lançamento, previsto para ocorrer à 1h54 (horário de Brasília), será transmitido ao vivo pela Agência Brasil e pela TV Brasil.

O Amazonia 1 será colocado em órbita pela missão PSLV-C51, da agência espacial indiana Indian Space Research Organisation (ISRO). Com seis quilômetros de fios e 14 mil conexões elétricas, o satélite integra a Missão Amazonia 1, que tem, por objetivo, fornecer dados de sensoriamento remoto para observar e monitorar o desmatamento, especialmente na região amazônica, além de monitorar a agricultura no país.

“O satélite Amazonia 1, que é de sensoriamento remoto óptico, vai dar autonomia ao Brasil para melhor monitorar seus diversos biomas, seus mares e todos os alvos de interesses que temos, porque é um satélite que estará sob domínio completo do Brasil”, explica o presidente da Agência Espacial Brasileira, Carlos Moura, que acompanha comitiva na Índia. “O momento de um lançamento como esse é o coroamento de esforços que duram muitos anos, às vezes dezenas de anos. Para alguns profissionais, é o desafio da carreira. O Amazonia 1 coroa esse esforço do Brasil que vem lá de 1979, 1980, com a Missão Espacial Brasileira, de o país ser capaz de desenvolver o satélite próprio de sensoriamento remoto óptico”, disse Carlos Moura.

O Amazonia 1 vai gerar imagens do planeta a cada 5 dias. Sob demanda, poderá fornecer dados de um ponto específico em 2 dias – o que, segundo o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), ajudará na fiscalização de áreas que estejam sendo desmatadas, bem como na captura de imagens onde haja maior ocorrência de nuvens. De acordo com o instituto, o novo satélite possibilitará também o monitoramento da região costeira, de reservatórios de água e de florestas (naturais e cultivadas). Há, ainda, a possibilidade de uso para observações de possíveis desastres ambientais.