Igreja beatifica jovem morto aos 15 anos com milagre atribuído ao Brasil

G1.

A Igreja Católica oficializou neste sábado (10) a beatificação de Carlo Acutis, popularmente conhecido como “padroeiro da internet”. A cerimônia ocorreu durante uma missa realizada na Basílica Superior de São Francisco, em Assis, na Itália. Falecido de leucemia em 12 de outubro de 2006, aos 15 anos, o jovem evangelizava pelas redes sociais.

Carlo nasceu em Londres, na Inglaterra, e foi morar Itália ainda durante a infância, quando começou a se aproximar do catolicismo.

O Vaticano considerou que ele realizou um milagre no Brasil em 2010. Uma criança com doença congênita teria ficado curada depois do avô ter tocado roupa contendo sangue de Carlo, exposta em uma paróquia de Campo Grande, no Mato Grosso do Sul.

De acordo com a Igreja, o corpo do jovem ainda está “intacto”, com seus jeans e tênis. Por isso, ele é chamado de “primeiro beato de tênis e calça jeans”.

A beatificação de Carlo atraiu fiéis, que assistiram à cerimônia por telões colocados na parte externa da Basílica. A missa também foi transmitida na internet. Durante a celebração, o cardeal-vigário Agostino Vallini leu uma carta do Papa Francisco.

“Concedemos que o venerável servo de Deus Carlo Acutis, leigo, que, com o entusiasmo da juventude, cultivou amizade com o senhor Jesus, colocando a eucaristia e o testemunho da caridade no centro da própria vida, a partir de agora seja chamado beato e que seja celebrado todos os anos nos locais e de acordo com as regras estabelecidas pelo direito, em 12 de outubro, dia de seu nascimento ao céu”, escreveu o Pontífice.

Fonte: Portal Grande Ponto

Sem celebrações, Santuário de Santa Rita de Cássia será reaberto no próximo domingo

Em ação conjunta da Prefeitura de Santa Cruz e da Paróquia de Santa Rita de Cássia, foi feito um protocolo para que as pessoas possam voltar a visitar a maior estaria católica do mundo.

A principal alteração é a não realização de celebrações no Santuário nestas primeiras semanas de reabertura, com intuito de minimizar as aglomerações.

Sem as missas, a tendência é que as visitas sejam mais rápidas e as aglomerações sejam minimizadas neste reinício de funcionamento.

Será obrigatório o uso de máscara e espaços para higienização das mãos estão sendo preparados para que os visitantes tenham maior segurança no Santuário de Santa Rita de Cássia.

Matriz de Santa Rita de Cássia volta a receber fiéis de forma limitada neste final de semana

A Paróquia de Santa Rita de Cássia, em Santa Cruz, volta neste final de semana a receber público nas celebrações de missas, seguindo o que está determinado em decreto da Arquidiocese de Natal.

Ao todo, cinco celebrações na Matriz de Santa Rita de Cássia, no sábado e domingo, estarão recebendo público, com capacidade limitada.

Em cada celebração, será permitida a presença de 123 pessoas. Cada banco da Igreja Matriz está demarcado indicando o local que o fiel deve ficar sentado.

A entrada será feita por ondem de chegada. No banner acima veja os horários das celebrações.

O arcebispo metropolitano Dom Jaime Vieira Rocha divulgou, na tarde desta quinta-feira, 6, a transferência de seis padres:

O arcebispo metropolitano Dom Jaime Vieira Rocha divulgou, na tarde desta quinta-feira, 6, a transferência de seis padres:

. Pe. Marcelo Araújo da Cunha sai da Paróquia de Nossa Senhora da Piedade, em Espírito Santo e passa a ser pároco da Paróquia de Santana, em Capim Macio, Natal;

. Pe. César Luiz de Morais deixa a Paróquia de Santana, em Capim Macio, para ser pároco da Paróquia de São Francisco de Assis, em Pirangi do Norte;

. Pe. Lenilson Silva das Chagas sai da Paróquia de Santa Teresinha, em Tangará, e será pároco da Paróquia de Nossa Senhora da Conceição, em Ceará-Mirim;

. Pe. José Sílvio de Brito deixa a Paróquia de Ceará-Mirim e assumirá a função de pároco da Paróquia de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, nas Quintas, em Natal;

. Pe. Cidinei Firmino da Silva foi transferido de Pirangi do Norte para a Paróquia de Santa Teresinha, em Tangará, onde será pároco;

. Pe. Alexandre Rossino do Nascimento Oliveira, até então vigário paroquial de São Gonçalo do Amarante, será o novo administrador paroquial da Paróquia de Nossa Senhora da Piedade, em Espírito Santo.

As datas de posses dos transferidos serão divulgadas em breve.

Sem vacina contra a Covid-19, grandes celebrações religiosas em Juazeiro do Norte devem ser suspensas

Diário do Nordeste

As romarias atraem milhares de pessoas todos os anos a Juazeiro do Norte. Devotos do Padre Cícero viajam de várias partes do Nordeste para venerar o Santo popular fundador da cidade. É nesse chão de fé, mas também de pujança no trabalho, que cresceu o maior município do interior do Estado, cuja economia é inflada com as movimentações financeiras ocorridas nas grandes celebrações católicas. Contudo, neste ano, o ciclo de romaria, que se inicia nesta sexta-feira (17), será celebrado de forma virtual, trazendo forte impacto econômico para o município.

De acordo com estudo realizado pela Secretaria de Turismo e Romaria (Setur) de Juazeiro do Norte, cada romeiro gasta, em média, R$ 754, englobando alimentação, transporte, estadia e custos extras. Levando-se em consideração que a cidade recebe em torno de 770 mil pessoas nas quatro principais romarias, estima-se que meio bilhão de reais deixe de circular entre julho e fevereiro do próximo ano.

Apesar do impacto sem precedentes, o médico infectologista e professor da Universidade Federal do Ceará (UFC), Ivo Castelo Branco, avalia que a chance de o Ceará ter grandes eventos neste ano é zero. “Não tem como. É uma irresponsabilidade. Pessoas podem morrer. Não tem medicação. A fé está em todo lugar, não precisa correr até Juazeiro”, enfatiza.

Prejuízo

Cientes deste cenário, empresários já projetam uma grande perda, como é o caso de Valdete Coelho, que comanda um hotel no Centro da cidade. Ele conta que fechou seu estabelecimento no dia 19 de março, mas acreditando que seria possível retorno breve. Com o passar do tempo, a situação ficou preocupante e seus clientes, que visitam a cidade, principalmente nas romarias de Nossa Senhora das Dores, Finados e Nossa Senhora das Candeias, já estão cancelando as reservas feitas.

“Eu estou achando muito difícil ter festa este ano. Está muito próximo. Se acontecer, será diferente. O prejuízo é grande”, conta. No seu hotel, trabalham cinco pessoas com carteira assinada. Estes funcionários tiveram contrato suspenso por dois meses. “São pessoas que dependem diretamente do rendimento. Quem vai vir para Juazeiro do Norte com a pandemia? Não tem como vir a trabalho ou passear”, lamenta Coelho.

O impacto também será sentido pelo empresário Francisco de Assis Freitas, proprietário de uma fábrica de velas em Juazeiro do Norte. Por mês, ele chega a fabricar 40 toneladas do produto, mas durante a Romaria de Finados, por exemplo, este número triplica. “A gente já começa a se preparar no começo do ano para quando chegar novembro, conseguir atender a demanda. Se não houver as romarias, será um problema sério. Quase todas as pessoas que vêm a Juazeiro acendem velas, principalmente no Horto”, conta, sem detalhar, em cifras, o impacto financeiro.

Além dos empreendedores locais, as romarias também favorecem empresários de outros estados. Durante o período dos festejos, o produto mais procurado pelos visitantes, a rapadura, é todo trazido do Pernambuco. Um dos fabricantes do doce é Valdemir Adriano da Silva, de Santa Cruz da Baixa Verde, que fabrica duas toneladas por dia. Já durante as celebrações de Juazeiro do Norte, o aumento em seu engenho varia de 35% a 40%. “Daqui saem mais de 10 caminhões de rapadura. Eu tenho clientes que enchem os carros. A procura é grande”, afirma. Sem o fluxo de romeiros, no entanto, a produção terá que ser reduzida.

Embora a presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Juazeiro do Norte, Zenilda Sena, não detalhe os números do impacto financeiro com o cancelamento das romarias, por considerar que ocorram variantes, ela reconhece que o prejuízo “será grande”. “Hotéis, pousadas, restaurantes, bares, comércios de miudezas. Tudo isso gira em torno da romaria. Ainda tem os camelôs, pequenas lojas, pessoas que vêm de fora trabalhar aqui. Tudo isso faz a moeda circular. É uma perda na sua totalidade”, lamenta a presidente do CDL.

Estátua de Nossa Senhora das Graças será inaugurada em Messias Targino e colocará município na programação de turismo religioso no RN

Vai ser neste domingo, 28, a inauguração da estátua gigante de Nossa Senhora das Graças, padroeira do município de Messias Targino. A inauguração será virtual para evitar a aglomeração de pessoas durante a pandemia.

O monumento, erguido no Mirante da Cidade, um alto com vista para toda o município, já vinha sendo construído pela prefeita Shirley Targino, que fez questão de concluir mesmo durante a pandemia, na expectativa de recuperação da economia com o turismo religioso, passada a temporada de distanciamento social.

A prefeita fará uma live a partir das 17 horas, que será transmitida pelas redes sociais da Prefeitura.

Bispos do RN afirmam que igrejas continuarão fechadas

Nós, Bispos da Província Eclesiástica de Natal (Arquidiocese de Natal, Diocese de Mossoró e Diocese de Caicó), reunidos remotamente, nesta segunda-feira, dia 25 de maio de 2020, em espírito de comunhão fraterna e eclesial; atentos à realidade e a dureza dos fatos e dos números, no que se refere à pandemia do coronavírus; sensíveis aos apelos do Povo fiel católico; e movidos pelo dever de zelar e promover a vida humana, exortamos mais uma vez ao povo potiguar para que permaneça empenhado no cumprimento da recomendação de isolamento social. Deste modo, reafirmamos a determinação para que nossas igrejas (catedrais, matrizes e capelas) permaneçam fechadas, até que tenhamos condições de dispor em contrário. O penoso tempo que atravessamos e as restrições que nos impõem distanciamento físico trazem sofrimento ao nosso coração de Pastor e isto nos ajuda a compreendermos ainda melhor a dor da nossa gente. Exortamos, pois, aos nossos colaboradores padres, aos fiéis católicos e a todas as pessoas de boa vontade a permanecerem firmes na esperança. Rogamos a Nossa Senhora da Apresentação, Santa Luzia e a Senhora Sant’Ana, padroeiras destas nossas igrejas particulares, para que intercedam por nós, neste momento de maior dificuldade, junto a Jesus, nosso Senhor e Salvador.

Natal (RN), 25 de maio de 2020.

Dom Jaime Vieira Rocha
Arcebispo Metropolitano de Natal

Dom Mariano Manzana
Bispo Diocesano de Mossoró

Dom Antônio Carlos Cruz Santos
Bispo Diocesano de Caicó

Papa reza pelos que cuidam da limpeza de ruas e hospitais

Papa Francisco fala no Vaticano

Agência Brasil.

Em missa celebrada neste domingo (17), na capela da Casa Santa Marta, no Vaticano, o papa Francisco lembrou as pessoas que fazem o serviço de limpeza nas casas, nos hospitais e nas ruas.

“Hoje, a nossa oração é pelas muitas pessoas que limpam os hospitais, as ruas, que esvaziam as lixeiras, que passam pelas casas para recolher o lixo: um trabalho que ninguém vê, mas que é necessário para sobreviver.”

Na homilia, afirmou que na sociedade há guerras, contrastes e insultos porque “falta o Pai: o Espírito Santo ensina o acesso ao Pai que faz de nós irmãos, uma única família, e nos dá a mansidão dos filhos de Deus”.

Fiéis nas igrejas

Em alguns países, as celebrações litúrgicas com a presença dos fiéis foram retomadas; em outros, a possibilidade está sendo considerada.

Na Itália, a partir desta segunda-feira, a missa será celebrada com a presença do povo. “Mas, por favor, continuemos com as normas, as prescrições que nos dão para proteger a saúde de cada um e do povo”, destacou o papa, em referência aos riscos de propagação do novo coronavírus, causador da covid-19.

“Nestes tempos de pandemia em que estamos mais conscientes da importância do cuidado da nossa casa comum, faço votos de que toda a nossa reflexão e compromisso comuns ajudem a criar e fortalecer atitudes construtivas para o cuidado da Criação”, acrescentou Francisco..

Após rezar a oração de Regina Coeli (Rainha do Céu), o pontífice lembrou ainda que amanhã comemora-se o centenário do nascimento de São João Paulo II, em Wadowice, Polônia. “Amanhã de manhã, celebrarei a santa missa, que será transmitida para todo o mundo, no altar onde repousam seus restos mortais. Do Céu, ele continua a interceder pelo povo de Deus e pela paz no mundo”, disse Francisco.

Arcebispo metropolitano, Dom Jaime Vieira Rocha, anuncia transferência de sacerdotes em Natal e interior

O arcebispo metropolitano, Dom Jaime Vieira Rocha, anunciou, nesta terça-feira, 28, a transferência de três sacerdotes.

Padre Valtair Lira Lucas deixa a Paróquia de São Camilo de Léllis, no bairro de Lagoa Nova, em Natal, para ser o novo pároco da Paróquia de Santa Rita de Cássia dos Impossíveis, em Ponta Negra. A posse está marcada para o dia 6 de outubro.

Padre Alcimário Pereira de Oliveira deixa a Paróquia de Ponta Negra e será o novo pároco da Paróquia de São Camilo de Léllis, com posse agendada para 7 de novembro.

Padre Dian Carlos de Araújo Oliveira, até então Vigário Paroquial de Ceará-Mirim, foi nomeado vigário paroquial da Imaculada Conceição, em Nova Cruz, onde dará assistência à comunidade de Lagoa D’Anta. Ele será apresentado à comunidade, no próximo domingo, 2 de setembro.