PM fecha rinha de galo e prende 27 pessoas em Guamaré

Na manhã desSe domingo (17), uma operação realizada pela 1ª Companhia Independente de Polícia Militar (1ª CIPM) desarticulou um ponto utilizado para prática de rinha de galo na zona rural do município de Guamaré.

Após denúncia anônima de que em uma propriedade rural estava aglomerando pessoas e realizando eventos de rinha de galo aos domingos, os policiais foram em diligência e cercaram o local. Durante a abordagem alguns suspeitos tentaram se evadir mas foram contidos.

O local possuía estrutura específica para prática do crime, onde continha uma arena com banco para plateia, placar, cronômetro, tabela, bancas de aposta, equipamentos para bico e esporas, orientações de proibição de fotos e filmagem no ambiente, aves utilizadas nas rinhas, remédios e material de uso veterinário para sutura, roupas, gaiolas e anotações de aposta.

Foram conduzidas 27 pessoas, 19 motos, 03 carros, 14 bolsas transportadoras de galos, 31 biqueiras de couro simples, 54 biqueiras de couro com borracha, 06 bicos de aço, 29 esporas, 11 pares de luvas de borracha especifica para pernas de galos, dentre outros. Todos ficaram à disposição da justiça.

Além de praticarem no local crime de maus tratos aos animais, todos também foram autuados por crime à saúde pública ao aglomerar pessoas, o que é proibido em razão da pandemia do Covid-19.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *